Inovação Constante

design thinking 5

Nem toda preocupação de uma empresa diz respeito à venda atual, ao fluxo de caixa ou à entrega.

Empresa é que nem jogo de futebol: “Time que está ganhando a gente muda a tempo”.

Mudança é um processo inevitável. Mas não necessariamente radical.

Porém, quando esta mudança gera uma inovação, isso sim tem significado especial!

Mas não sejamos preconceituosos: inovar não é reinventar a roda! Ou criar um produto tão genial que vai nos fazer ficar milionários!

Inovar é, antes de mais nada, um empenho para abrir a cabeça para fazer coisas diferentes, permitir-se criar, permitir-se errar.

Vale a pena pensar no que estamos deixando de mudar em nossa rotina de trabalho somente por acomodação.

Eis algumas modalidades de mudança:

http://bmgenbrasil.com/oqueebuscaconstanteporinovacao/#.VHTJpItXH2c

inovação

Apesar de a máxima ainda valer “na natureza nada se cria”, vale tentar imaginar um formato diferente, um processo de trabalho mais limpo, uma relação de trabalho mais sadia, um valor agregado mais significativo.

Boa sorte e MÃOS À OBRA!

FacebookTwitterGoogle+LinkedInGoogle GmailTumblrPinboardKindle ItEvernoteCompartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *